Automóvel 

Proteção total para o seu carro, por que você como todos os outros brasileiros, é apaixonado por ele.

Comprou ou trocou de carro e quer saber como proteger o seu patrimônio? Mais do que uma precaução, o seguro do automóvel é uma necessidade para você reduzir prejuízos em caso de acidente, roubo ou furto. Saiba como fazer um seguro e conheça informações importantes na hora de escolher a seguradora do seu automóvel.

Andar num carro sem seguro é colocar em risco um patrimônio que custa caro. No que pouca gente presta atenção é que alguns cuidados também precisam ser tomados na hora de escolher esse seguro. A primeira coisa a fazer é conhecer todas as suas regras, as garantias contratadas (coberturas) e as exclusões.

Você precisa saber bem quais partes de seu automóvel estão seguradas, em quais situações se aplica o seguro e em quais situações ele não se aplica. Ler bem o contrato de seguro e tirar todas as dúvidas com o seu corretor pode ser cansativo, mas é fundamental para que o seguro dê certo. E a escolha não deve ser feita apenas em função do preço, das condições de pagamento e dos benefícios que as seguradoras oferecem.

Veja abaixo algumas coisas que podem ajudá-lo na hora da contratação ou informe-se conosco, teremos o maior prazer em orientá-lo.

Coberturas:

Você encontrará no Mercado basicamente dois tipos de coberturas

Compreensiva

Inclui os seguintes riscos: colisão, abalroamento, capotagem ou derrapagem; queda sobre o veículo de objeto externo; dano causado pela carga transportada; dano causado quando o veículo estiver sendo transportado; ato danoso praticado por terceiros; alagamento, enchente e inundação; ressaca, vendaval, granizo e terremoto; raio; incêndio ou explosão; roubo ou furto total ou parcial (partes).

Incêndio Roubo e Furto

Cobertura mais limitada, que abrange apenas os riscos de raio, incêndio, explosão e roubo ou furto total.


Quais as coberturas em caso de Indenização Integral?

Valor de Mercado

Quando a gravidade do acidente (sinistro) resultar em indenização integral do veículo segurado, o valor da indenização deverá ser consultado na tabela de avaliação de veículos, chamada “tabela de referência”, que deve estar definida na apólice. Não podem ser adotadas tabelas elaboradas pelas próprias seguradoras. Praticamente a totalidade das empresas utiliza a tabelaFIPE, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas.

Na negociação do contrato, você pode escolher um “fator de ajuste”, percentual que será aplicado sobre o valor encontrado na tabela de referência. O objetivo desse recurso é ajustar o valor da tabela ao valor de mercado real do seu veículo, consideradas suas características particulares, como estado de conservação, opcionais e diferenças regionais.

Valor Determinado 

O procedimento para os reparos nesta modalidade, por sua vez, será o mesmo dispensado a danos ao veículo, ou seja, poderá ser caracterizada perda parcial – com incidência de franquia - ou indenização integral. No caso de uma indenização integral, o valor determinado garante a indenização de uma quantia fixa, estipulada no contrato.

Essa modalidade de contratação é aceita com restrições pela maioria das seguradoras. As seguradoras colocam, de forma geral, limites mínimos e máximos para a escolha do valor segurado.

Se o veículo for recuperado antes do pagamento da indenização, você vai recebê-lo de volta. Saiba que, se houver avarias, o seguro garante os gastos com o conserto

Franquia

Para os acessórios:

Cada acessório deve ter sua correspondente importância segurada, também baseada no valor de mercado.

Para danos a terceiros:

Você deve determinar uma importância segurada para danos materiais e outra para danos pessoais. Considere as possibilidades de danos que você possa causar a terceiros e também, em função de seu patrimônio pessoal, as indenizações que você possa ser obrigado a pagar por decisão judicial. As importâncias seguradas representam o máximo reembolsável pela seguradora, independente da quantidade de terceiros prejudicados.

Para danos a passageiros:

Devem ser indicadas, separadamente, importâncias seguradas para morte e para invalidez permanente. Essas importâncias seguradas referem-se a cada um dos passageiros, até o limite da lotação oficial do veículo. Em caso de invalidez permanente, aplica-se a tabela de indenização proporcional ao grau de invalidez.

Coberturas Adicionais

Existem coberturas que podem ser contratadas separadamente para aumentar ainda mais a sua proteção. Veja abaixo quais são:

Acessórios

Equipamentos de som, comunicação e imagem, como rádios toca-fitas, não estão amparados pelo Seguro Automóvel se não for contratada a cobertura específica de Acessórios. Essa regra se aplica mesmo quando o equipamento for original do modelo do carro.
Responsabilidade Civil Facultativa (R.C.F.)

Também conhecido como seguro de danos a terceiros. Garante o reembolso das indenizações que o Segurado for obrigado a pagar, em sentença judicial ou por acordo previamente autorizado pela seguradora, pelos danos materiais ou pessoais causados a terceiros, relacionados com a circulação do carro segurado.

Acidentes Pessoais De Passageiros (A.P.P.)

Garante o pagamento de indenizações em caso de morte ou invalidez permanente dos passageiros (incluindo o motorista), quando decorrente de acidente com o carro segurado.

Blindagem

O automóvel segurado, se for blindado, de fábrica ou não, pode contratar cobertura para riscos contra esta característica.

Vidros

Reparo ou reposição dos vidros laterais, traseiro e para-brisa, em caso de quebra, trinca ou qualquer dano. Algumas seguradoras oferecem também cobertura para faróis, lanternas e retrovisores. Ainda que os vidros estejam cobertos pela garantia básica do veículo, esta cobertura se justifica por não estar sujeita à franquia do veículo, geralmente superior ao valor dos vidros, quando danificados sem outros danos ao veículo.

Kit Gás

No caso de um acidente que atinja o equipamento de gás combustível, ou de furto ou roubo do veículo. Para o risco ser aceito, caso o equipamento não seja original de fábrica, você precisa apresentar a documentação de que a conversão foi feita legalmente.

Rastreador 

Adquirir um sistema de segurança para o carro, moto, caminhão ou até mesmo para uma frota, a princípio pode parecer simples, e por outro lado pode se tornar um verdadeiro dilema. Não só existem várias marcas e modelos, mas também várias soluções. A questão é: qual é a diferença entre elas?

Na hora da compra ou na escolha do serviço, nem sempre o vendedor consegue identificar as necessidades do cliente e informar a melhor solução, o que gera uma verdadeira confusão. Em alguns casos até mesmo um descontentamento por parte do consumidor, que só no momento em que realmente precisa, descobre as funcionalidades do equipamento.

Quem nunca se deparou com um carro parado na rua e a sirene soando “atenção: este carro está sendo roubado, favor ligar para o 0800…”? E as pessoas acabavam ligando, não por identificarem o carro roubado e sim pela impertinência que gerava a sirene. Este é um exemplo de um bloqueador, que como seu nome já diz, bloqueia alguns sistemas do carro e dispara a sirene. É o mais básico, e sua função é proteger o veículo. Com uma ligação para a central de atendimento é possível bloquear o carro via radiofreqüência. A comunicação é via antenas próprias, mas o equipamento não informa a localização geográfica do veículo.

Veja as principais diferenças entre os aparelhos:

O rastreador é a solução mais completa, principalmente para quem precisa de informações detalhadas. A localização é realizada via GPS, com comunicação satelital, celular ou radiofreqüência. Uma vantagem é que as informações podem ser obtidas via internet, pelo próprio cliente. Para esse tipo de tecnologia, existem ainda soluções mais completas, como softwares de monitoramento, mais utilizados pelo setor corporativo. A função do rastreador vai além da proteção do veículo, pois tem o objetivo de proteger as pessoas que o utilizam, garantindo assim maior segurança, comodidade e conforto para o usuário.

O monitoramento consiste na tradução de informações geográficas em mapas digitalizados de uma região, definindo com precisão a localização geográfica do veículo, latitude, longitude e velocidade média (no caso do veículo em movimento), e pode incluir vários outros opcionais. Esse sistema oferece a localização e o monitoramento do veículo em tempo real, em qualquer lugar, por meio da internet. Quando o cliente contrata o serviço de rastreamento, ele também pode utilizar outros adicionais, como monitorar a velocidade do automóvel, obter relatórios das rotas percorridas e mesmo criar cercas eletrônicas. Com este serviço, é possível determinar uma rota e, caso o veículo saia do percurso planejado, o proprietário é comunicado pelo celular ou pela internet.

Trabalhamos com as principais Companhias do Mercado. Informe-se.

Localizador: 

O localizador pode ser apontado como o nível intermediário das três soluções. A localização pode ser feita via GPS ou triangulação de antenas (celular), a comunicação é através da rede de telefonia móvel e a localização do veículo é realizada pela central 24 horas, porém não é muito precisa, já que a abrangência é feita em um determinado raio e o erro pode estar entre 10 e 30 metros, sendo maior que a do rastreador. Alguns localizadores também têm a função de bloquear o veículo.

Bloqueador:

O bloqueador tem um valor mais acessível em relação às outras duas soluções, e se tratando de um dispositivo de segurança, é um equipamento eficiente. A solução de bloqueadores é a mais utilizada do Mercado. Grande parte dos proprietários de veículos usados com mais de quinze anos prefere instalar um bloqueador a fazer o seguro.

Serviço Socorro

   Por mais bem-cuidado que seu carro seja, imprevistos podem acontecer.
Antes de contratar consulte as coberturas que as Seguradoras oferecem. Trabalhamos com as principais Cias do mercado. Veja abaixo as condições e coberturas do Serviço socorro.

Coberturas

Danos corporais a terceiros:

Cobertura, até o limite contratado, para invalidez permanente, morte ou despesas hospitalares devido a acidente involuntário ocasionado pelo veículo segurado, desde que a responsabilidade seja assumida pelo cliente e comprovada pela seguradora.

Acidentes pessoais por passageiro

Indenização nos casos de morte ou invalidez permanente total ou parcial e as despesas médico-hospitalares do motorista ou dos passageiros do veículo segurado, por motivo de acidente.

Assistência 24 horas com diversos serviços que vão ajudá-lo a resolver com mais facilidade situações de emergência, como:

Guincho para panes e acidentes;

Socorro mecânico emergencial;

Remoção do veículo até o posto mais próximo, em caso de pane seca;

Troca do pneu pelo estepe;

Envio de chaveiro para abertura do veículo;

Táxi para os passageiros, se o veículo ficar sem condições de locomoção.

Serviços automotivos com condições especiais para segurados nas redes conveniadas para:

Alinhamento de direção.

Balanceamento.

Rodízio de pneus.

Descontos na locação de veículos nas empresas parceiras

Pagamento em até 4 vezes sem juros ou em até 12 parcelas com juros, por meio de débito em conta, boleto bancário ou cartões de crédito Visa, MasterCard ou Dinners.

Informe-se.